quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Ideologia de gênero: Avon não quer que você chame sua filha de “princesa”

Vou dizer o que penso: A AVON foi infeliz em fazer um video como este logo agora, em que os valores familiares estão sendo bombardeados. Eu entendi o seguinte desse video: Que um único adjetivo para elogiar uma menina é pouco, tão pouco quee chega a ser ruim, pq na opinião dos idealizadores dessa propaganda (que não vi qualquer objetivo comercial há não ser cutucar o público conservador), chamar uma menina de princesa é pejorativo?? Eu sempre chamei minha filha de princesa e meu filho de príncipe, pra mim isso sempre foi e será um elogio! Isso não quer dizer em hipótese alguma que são frágeis, mas que são muito importantes para mim e sua mãe! Já elogiei milhares de vezes minha filha de corajosa, forte, inteligente, em momentos propícios a cada um desses adjetivos! Mas quando ela acorda, é normal eu dizer "bom dia princesa". 
Repensar um elogio que faço ao meu filho? pq seria tão burro de repensar algo que considero bom para meus filhos?? poderiam chamar a atenção para apelidos, xingamentos... mas ELOGIO?
Eu não entendo até agora como essa propaganda ofensiva e sem objetivo comercial conseguiu ser aprovada pela gestão da AVON, e a única explicação "coerente" e que eles também são burros demais para apoiar a ideologia de gênero, mesmo sabendo que a maioria da população brasileira é conservadora. Se eu fosse o CEO da AVON, pediria desculpas imediatamente, dizendo que houve um equivoco grave da parte de marketing, mas o prejuízo tá feito! Infelizmente os maiores prejudicados serão seus representantes e revendedores! Resumindo: foi uma tremenda BURRICE lançar esse vídeo. 

0 comentários:

Postar um comentário